Publicado em

Foram três dias de trabalho intenso numa programação que contou, dentre outros temas, com estratégias de melhorias e avanços no SICCAU (Sistema de Informação e Comunicação do CAU), com novos meios para a utilização do IGEO e com o estudo de gestões pessoais e financeiras. As atividades fizeram parte do 3º Seminário Técnico do Centro de Serviços Compartilhados, que ocorreu durante os dias 25, 26 e 27 de junho, em Brasília. Participaram do encontro membros do CAU/SC que atuam na Gerência Geral, Gerência Técnica, Gerência de Fiscalização e Gerência Administrativa e Financeira. “O Seminário foi uma oportunidade de aproximação para os estados contribuírem no desenvolvimento das melhorias e novas tecnologias. Foi um momento valioso para a troca de informações”, comenta a Gerente Geral do CAU/SC, Alcenira Vanderlinde.

SICCAU

Com previsão de lançamento em 2019, o SICCAU 2.0 novo será baseado em aplicativo para dispositivos móveis, o que possibilitará uma melhor experiência de uso aos Arquitetos e Urbanistas. Com novo layout, maior manutenibilidade e segurança, o sistema também será mais intuitivo. “O intuito da nossa participação é contribuir para que o novo ambiente profissional atenda as necessidades dos Arquitetos e Urbanistas Catarinenses, que também anseiam por um sistema com funcionalidades automatizadas, que diminuam o número de interações necessárias para obtenção das principais solicitações”, diz Franciani Rigoni, Gerente Técnica do CAU/SC. Ainda sobre o SICCAU, foi apresentado durante o Seminário o novo módulo de carteira profissional, em que as funcionalidades relacionadas ao documento profissional serão concentradas num mesmo local dentro do Sistema de Comunicação e Informação do CAU.  “A partir da implantação deste módulo, tanto o CAU quanto os profissionais terão mais controle do processo de emissão da carteira profissional permitindo, assim,  a emissão mais ágil e simplificada deste documento”, fala Felipe Wagner, Supervisor de Atendimento do CAU/SC.

Financeiro

A área de finanças, que trouxe na pauta temas como Plataforma de Gestão Integrada (SGI), abordando os módulos de Gestão da Estratégia (CPM), Gestão de Processos e Gestão de Conteúdo e do Conhecimento (ECM); ganhou novas possibilidades de atuação. “Penso ser o momento de estudar e estruturar estrategicamente a política e gestão de cobrança para, assim, investir os recursos e ações de implementação das novas ferramentas. Saio do seminário com a sensação de que é possível aprimorar nossos processos sob vários aspectos, principalmente frente a organização e segurança das informações”, diz Filipe Rockembach , Gerente Administrativo e Financeiro do CAU/SC.

Georeferenciamento

Sobre a plataforma de Georeferenciamento integrado, projeto apresentado pelo CAU/SC durante o Seminário, a arquiteta e fiscal do CAU/SC, Mayara, comenta: “esse projeto apresentado pelo CAU/SC no seminário, prevê estratégias para atingir parcerias do tipo ganha -ganha, estabelecendo uma relação técnica e política com a administração direta, englobando desde prefeituras, fornecedoras de energia elétrica e demais possíveis interessados.”


Deixe seu comentário